Comunidade escolar: como fortalecer a sua?

Comunicação Escolar

Uma comunidade escolar engajada não só auxilia na fidelização dos clientes, mas também fortalece o vínculo entre todos os agentes de uma escola, possibilitando benefícios sociais, pedagógicos e acadêmicos desta relação próxima e rica.

A comunidade escolar é, geralmente, composta pelos alunos, pais, professores, funcionários e direção dos colégios, mas também pode envolver terceiros, como transportadores, fornecedores e cantineiros, por exemplo. Trabalhar boas práticas e desenvolver ações com todos os agentes desse processo resulta em uma comunidade engajada- o que traz diversos benefícios para a instituição de ensino.

“A escola não pode ser uma ‘ilha’ diante dos desafios e oportunidades compartilhados com o seu entorno”, resume Marcio Willyans Ribeiro, diretor geral do Colégio Marista Glória, de São Paulo (SP).

Ações com os alunos e a família

Valorizar a escuta e a voz dos alunos é uma das ações do Colégio Marista Champagnat, localizado em Ribeirão Preto (SP). Por lá, são comuns atividades que envolvem café com a direção, fóruns, acolhidas e projetos de intervenção social com foco na resolução de problemas locais.

Diretora geral do colégio, Roberta Fardin Bianchi comenta que ações com a família também contribuem para o aperfeiçoamento das práticas educativas. "Temos também ações de aproximação dos pais no Colégio, como o Dia da Família, no qual são convidados a experienciar o dia a dia dos filhos, além das reuniões de pais, com momentos de partilha das aprendizagens e detalhes da formação", explicou.

No Colégio Anglo de Bauru (SP) são oferecidos, além do suporte pedagógico, o Serviço de Atendimento Psicológico que pode ser usufruído não apenas pelos estudantes. “A frequência desta ação depende da demanda trazida pelas coordenações. Foi realizada, por exemplo, uma ação específica para os pais alunos do 8º ano para compreensão do momento de transição adolescente e os desafios na educação de filhos adolescentes”, exemplificou Kárystha Aliã Leal Caetano, gerente de marketing educacional no Anglo Bauru.

A escuta ativa, por meio de uma pesquisa de opinião, foi fundamental para que o Colégio Marista Glória, localizado na Zona Central de São Paulo (SP), pudesse entender melhor a visão dos estudantes sobre a escola e desenvolver ações que visam a participação propositiva e efetiva deles.

“Os resultados [das pesquisas] apresentaram vários problemas conhecidos e muitos outros ainda não percebidos pela equipe gestora. A partir daí, todas as turmas tiveram a oportunidade de conversar com a direção para aprofundamento dos resultados em uma perspectiva mais qualitativa. Foi uma ação fundamental para valorizar a participação dos estudantes e engajá-los no movimento de atuarem como responsáveis pelos cuidados com o colégio”, explicou Marcio Willyans Ribeiro, diretor geral do colégio.

Outras ações desenvolvidas pelo colégio foi a retomada do Grêmio Estudantil, extinto há mais de 30 anos, e a criação da Assembleia de Representantes. “A participação e o engajamento se tornaram mais efetivos em reuniões semanais com a direção do Colégio. Os resultados têm sido extraordinários em termos de comprometimento estudantil e qualidade do ambiente escolar para toda a comunidade educativa”, compartilhou.

O papel da comunicação para engajar a comunidade

No Anglo Bauru, a comunicação é uma ferramenta ativa para a divulgação das ações pedagógicas e sociais de todos os segmentos. A escola possui um calendário de divulgação semanal nas redes sociais, além das publicações, de acordo com a demanda, no blog do colégio. Já o envio dos comunicados escolares para os responsáveis e os alunos é feito através do ClassApp.

“Uma iniciativa muito legal foi a Rede Anglo Bauru, que nasceu com a missão de apoiar os negócios das famílias de nossos alunos e colaboradores. Toda a comunidade escolar pôde cadastrar seus serviços e negócios na rede, que foram divulgadas no portal da iniciativa, no ClassApp e em nossas mídias sociais”, explicou Kárystha. Site da Rede Anglo Bauru.

Para que a comunidade escolar se engaje com as ações propostas pela gestão e diretoria é essencial que a comunicação na escola seja eficiente. Por isso, ter uma boa agenda digital faz toda a diferença. O ClassApp, por exemplo, auxilia as escolas no engajamento com as famílias, pois oferece um ambiente seguro, ágil e moderno para a comunicação.


“O ClassApp permite uma comunicação clara, direta e centralizada. Podemos falar com toda a nossa comunidade escolar de forma prática, podendo ouvi-la também por meio de enquetes, pesquisas e outros. É um grande facilitador, sem dúvidas”, celebra Kárystha.

Roberta Fardin Bianchi, diretora geral do Colégio Marista Champagnat, reforça o papel da comunicação com todos os participantes da comunidade escolar. “Entendemos que a escuta ativa é um divisor de águas para que as relações aconteçam de forma ímpar, pois, cria bons relacionamentos, minimiza conflitos e desenvolve a empatia”, classifica. Com isso, colabora com o clima positivo da instituição, o que ajuda a gerar engajamento e fidelização.

O Colégio Marista Glória tem apostado em aprimorar a “cultura da escuta” com os pais, indo ao encontro das famílias e criando espaços formais e informais de diálogo. Segundo Ribeiro, atualmente as famílias sabem que podem partilhar suas percepções, sugestões, elogios e agradecimentos e que a equipe do colégio estará aberta ao diálogo sem julgamentos. “Tal postura fez com que a comunicação e a assertividade na resolução dos problemas fossem a tônica do relacionamento das famílias e estudantes com o colégio”, explicou.

“A comunicação é um elemento chave para que o Colégio encontre sua função junto à sua comunidade educativa. Estar aberto, com ‘escuta ativa’, faz com que as famílias se sintam conectadas com um projeto de educação. Contudo, a comunicação precisa ir além das palavras, ela se faz com olhares, gestos e ações concretas de solidariedade e empatia com as pessoas que participam do ambiente escolar”, diz Ribeiro.

Descubra como está a comunicação na sua escola!
Clique
aqui e realize o Diagnóstico de Comunicação

Fidelização

Para Alana Perico, coordenadora dos anos finais do Ensino Fundamental do Colégio Marista Arquidiocesano, fortalecer a identidade do colégio, atrelado a ações que mostrem os valores da escola, podem reforçar o sentimento de que os agentes fazem parte daquela comunidade, o que cria relações de pertencimento e fidelizam e engajam.

Segundo ela, o colégio reflete a “Identidade Marista” que tem presença em mais de 80 países, o que cria um senso de pertencimento, compromisso e engajamento característicos que une a comunidade escolar. “Essa identificação e senso de pertencimento fideliza, na medida em que geração após geração, são construídas e reafirmadas as histórias nos corredores e nas relações do Colégio Marista Arquidiocesano”, explicou.

Já Marcio Willyans Ribeiro, diretor geral do Colégio Marista Glória, chama atenção para a necessidade da escola estar integrada à sua comunidade, já que se constitui de um espaço para relações e desenvolvimento. “O colégio é onde as famílias acreditam e compartilham seu principal legado, a educação de seus filhos e o futuro deles. Quando tal sintonia e corresponsabilidade é alinhada a fidelização passa a ser um efeito natural”, aposta.

Essas são algumas ideias de como os colégios têm feito para engajar a comunidade escolar. Esperamos que elas possam inspirar ações que impulsione o engajamento na sua escola.

Leia também

Receba artigos e dicas gratuitamente

Thank you! Your submission has been received!

Oops! Something went wrong while submitting the form

ClassApp
ClassApp Disponível no Google PlayClassApp Disponível na App Store
Nosso FacebookNosso InstagramNosso YouTubeNosso WhatsApp
Confira um Case de Sucesso ClassApp
Fale com um consultor