Alunas do Colégio Alt brincando na brinquedoteca - imagem retirada diretamente do site da escola

Conheça o colégio que substituiu o WhatsApp pelo ClassApp - Colégio ALT

Histórias de sucesso
|
🕑
1
min. de leitura

Muito popular no Brasil, o WhatsApp geralmente acaba sendo uma solução fácil a ser adotada pelas escolas que querem se comunicar melhor com os pais. Afinal, quem não tem o aplicativo instalado no celular? Mas o que parece ser uma boa solução pode acabar se tornando uma grande dor de cabeça para os gestores. 

O WhatsApp transita na tênue linha entre o pessoal e profissional, e por isso, muitos comunicados escolares importantes podem acabar se perdendo entre as diversas mensagens que as famílias recebem de outros contatos. Você já presenciou o caso de uma criança que não pôde ir ao passeio porque o responsável não viu a mensagem no WhatsApp?

Outro problema é que o WhatsApp não garante segurança e privacidade dos dados dos responsáveis e nem dos colaboradores, o que vai contra a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD). Mais uma consequência da falta de privacidade é a escola ser alvo de processo trabalhista uma vez que os colaboradores e professores podem ser acionados a qualquer momento, inclusive fora do horário de trabalho. 

Alunas do colégio ALT brincando na brinquedoteca
Imagens retiradas do site oficial do Colégio (colegioalt.com.br)

Parte desses problemas aconteceu com o Colégio ALT, localizado em Paripiranga (BA). Ao não ter sucesso para se comunicar com as famílias, a diretora foi atrás de uma solução eficiente e encontrou o ClassApp, aplicativo de comunicação escolar.

Leia no material gratuito a história do Colégio ALT e a importância de nutrir um bom relacionamento com as famílias por meio de uma comunicação rápida e acolhedora. Faça o download.

Botão escrito "Faça o download"

Leia também

Conteúdos gratuitos